por | jun 25, 2020

Do off ao on: como migrar do design estratégico offline para o ambiente online?

Fechar uma sala com pessoas interessadas em resolver um desafio ou desenvolver uma solução, criar protótipos, fazer esboços e no fim da reunião sair com uma ideia para colocar em prática em um curto espaço de tempo. Parece uma ótima estratégia para o momento que vivemos em que precisamos de respostas rápidas para atender o mercado e realmente é. Esse tipo de estratégia vem sendo aplicada com uma frequência cada vez maior das pequenas às grandes empresas. 

Se você já não participou de uma reunião assim, já deve ter ouvido falar dos famosos Design Thinking ou Design Sprint. Esses processos tomaram conta das organizações nos últimos anos e tem mostrado o seu efeito positivo. Segundo a Nielsen Company/PwC/VersionOne INC 2018, empresas focadas nos princípios do design tem receita 32% maior como consequência de seus produtos e serviços.

Além do alto índice de efetividade esses métodos aparentemente possuem algo em comum: participantes reunidos em uma mesma sala.  Mas o que acontece quando o mundo como o conhecemos muda e agora precisamos apoiar as atividades de co-criação com uma gama diversificada de seres humanos on-line? 

Listamos algumas dicas que podem te ajudar na jornada de migração do design estratégico do mundo offline para o ambiente online: 

Todos conectados: Estar em uma sala virtual onde todos possam ver e ouvir os demais participantes é fundamental para a produtividade da reunião. É importante promover a integração e participação de todos. Pessoas de áreas diferentes com ideias diversas enriquecem a discussão e melhora os resultados.  

Mural colaborativo disponível: Precisamos documentar todas as ideias em um ambiente virtual em que todos possam visualizar o desdobramento da reunião e principalmente contribuir de forma ativa. Existem várias ferramentas que simulam o quadro branco de post-it e ajudam nesse processo para centralizar as atividades de cada sprint. 

Foco no objetivo: Assim como no ambiente físico, no ambiente online todos os participantes devem estar comprometidos com o momento. Foco total na dinâmica ajuda a otimizar o tempo, mas com cuidado para não levar o grupo a exaustão. É possível criar um clima descontraído com uma pausa para o café ou ouvindo uma música. 

Ferramentas: Garanta que todos os participantes tenham familiaridade com as ferramentas escolhidas para a reunião. Escolha plataformas de fácil navegação e se necessário treine os participantes antes de iniciar os sprints. 

Esperamos que essas dicas possam te ajudar a colocar em prática o design estratégico de forma remota e assim você possa se destacar em capacidade de inovação e potencial de diferenciação, além de muitos outros benefícios dessa metodologia.

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Cadastre o seu e-mail para receber os nossos conteúdos