por | jul 1, 2021

Cockpit de encerramento: conheça os benefícios dessa implantação no SAP

Falando de forma simples, o cockpit de encerramento (Financial Closing Cockpit) é uma extensão que tem como objetivo listar todas as etapas que precisam ser executadas no ciclo de fechamento contábil. 

Por meio de um modelo pré-definido a seguir, é criada uma programação na qual cada tarefa a ser executada em um fechamento específico pode ser monitorada individualmente. 

Um dos melhores aliados do setor contábil, o cockpit de encerramento é uma das soluções mais poderosas do sistema de gestão SAP. 

Sua interface é estruturada para permitir o trabalho colaborativo e seguimento em tempo real de processos de alta complexidade. Em alguns cenários, a implementação do cockpit de encerramento no SAP é especialmente útil:

  1. em atividades que são repetidas de forma periódica;
  2. quando múltiplos colaboradores são responsáveis pela execução das tarefas do departamento contábil;
  3. quando as movimentações são feitas e devem ser acompanhadas em ordem cronológica; 
  4. sempre que seja importante contar com um painel central de acompanhamento que possa ser acessado por vários profissionais e departamentos ao mesmo tempo, fornecendo uma visão geral dos processos. 

Nada mais conforme com essa lista do que as rotinas de um departamento contábil, especialmente as relacionadas ao ciclo de fechamento. E como acreditamos que você tem as mesmas necessidades, siga com a leitura e entenda as vantagens de contar com um cockpit de encerramento! 

Vantagens de implantar um cockpit de encerramento

Somente uma solução única, capaz de automatizar, gerenciar e orientar os processos contábeis, garante que seu ciclo de fechamento e relatórios financeiros sejam eficientes e facilmente auditáveis. 

Neste sentido, o SAP S/4HANA entrega vários benefícios. Confira os mais importantes. 

#01 Pensado e feito para finanças e contabilidade

Que o SAP sempre foi o braço direito da gestão corporativa, ninguém duvida. Mas ele podia fazer mais, e melhor, principalmente quando pensamos na gestão de contas. 

E foi isso que fizeram, na nova atualização S/4HANA. A solução permite que as empresas tenham uma fonte de informações única, com dados específicos dos processos contábeis muito mais à mão. 

Ou seja, questões transacionais, que tenham a ver com diferentes sub departamentos e funções das finanças, estão todos presentes no mesmo painel. 

Tanto informações da contabilidade geral, como dados sobre os ativos, livros e a análise de lucro, entre outras,  compõem o painel do cockpit de encerramento. 

Isso significa que a divisão clássica entre os mundos da contabilidade legal e da contabilidade gerencial estão desaparecendo: tudo é acompanhado em uma só tabela. 

Isso privilegia a integridade e a conformidade, pois garante que os mesmos procedimentos serão implementados em todos os níveis da organização. 

#02 Informes levados a outro nível

Há novos  informes e relatórios que podem ser criados e exibidos no Cockpit de encerramento, com base nas informações financeiras e contábeis existentes no banco de dados, que podem atender às necessidades de diferentes stakeholders.

Neste sentido, encontramos benefícios como:

  • Visão completa do histórico de movimentações. Você pode selecionar um ativo e visualizar somente as informações relacionadas a este, tais como dinheiro em caixa, imóveis, direitos, equipamentos etc. 
  • Para consultar o saldo de seus estoques, é possível isolar os dados relacionados a cada item e o cockpit mostra somente os lançamentos daquele material.
  • Para ter informações sobre os lucros, é possível visualizar somente as linhas relacionadas à receita gerada e custos dos produtos vendidos (CPV) e cruzar isso com outros dados específicos (tais como clientes, produtos, etc).

O cockpit de encerramento foi feito para ter um maior nível de customização e exibição de informações, atendendo às especificidades típicas de um ciclo de fechamento. E, além disso, ele pode adaptar os relatórios por localização.

Digamos que sua empresa funcione em vários países: neste sentido, os profissionais da contabilidade podem tanto ver os valores segundo as normas de contabilidade internacionais (IAS) como exibidos de acordo com os princípios contábeis geralmente aceitos (GAAP) em um país. 

Tudo isso sem sair da mesma ferramenta, e com atividades que são realizadas dentro de um processo que tem uma  sequência cronológica fixa ou determinada por dependências.

#03 Controle total, de qualquer lugar, a qualquer hora

Ainda que inúmeras companhias já tenham entendido a importância de contar com ferramentas de gestão corporativa como o ERP SAP, nem todas elas chegam a implementar as ferramentas específicas da contabilidade. Ou pior ainda, usam outros softwares, que trabalham fora do sistema. 

E com a chegada da pandemia, isso ficou ainda mais complicado para organizações que não evoluíram para o uso do ERP SAP em nuvem. Os funcionários tiveram que trabalhar de suas casas, e ter o poder de organizar todas as etapas de fechamento se tornou ainda mais importante. 

Com a implantação do cockpit de fechamento, dispensamos o uso de quaisquer outras ferramentas e programas de fechamento contábil, baseados em planilhas de conciliação ou reconciliação entre departamentos. 

No S/4HANA, é possível visualizar o progresso do ciclo de fechamento, incluindo tarefas concluídas, atrasadas, com erros, omitidas. Além do acompanhamento de horas de início e término, planejadas e reais para o ciclo de fechamento atual e histórico dos últimos. 

#04 Automação potencializada pela orquestração

Se o uso de ferramentas de automação é capaz de diminuir em cerca de 25% o tempo de duração do seu ciclo de fechamento, sua empresa pode ser ainda mais eficiente ao ter mais possibilidades de orquestração do fluxo. 

O fechamento, principalmente no caso de médias e grandes empresas, é um processo extremamente complexo. Pode envolver centenas de pessoas jurídicas e físicas, que provavelmente estarão trabalhando com ERPs configurados de forma diferente. 

Neste sentido, fechar os livros só é possível quando todas as tarefas, além de automatizadas, puderem ter suas interdependências controladas e todos os colaboradores trabalhem na mesma página. 

Aqui é onde percebemos as vantagens da orquestração, acessível no Cockpit de encerramento. Se automação é aplicada a tarefas, a orquestração é a otimização das automações envolvidas em um fluxo de trabalho. 

Quando é possível visualizar isso entre todos, evitamos informações descentralizadas, em várias pessoas e áreas. 

Colaboração e controle estão entre as palavras de ordem dos ERPs. Mas, agora, as rotinas de encerramento estão muito mais eficientes, ao contar com funcionalidades especificamente pensadas para atividades contábeis. 

Ficou interessado no cockpit de encerramento? Entre em contato conosco e vamos lhe ajudar a saber ainda mais sobre suas vantagens e benefícios.

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Cadastre o seu e-mail para receber os nossos conteúdos