Cibersegurança: como criar imunidade digital no seu negócio

19 de fevereiro de 2024 | Uncategorized

Ramsomware, pishing, malware, trojan, worms, spywares. Essas são apenas algumas das ameaças a que estamos sujeitos tanto na vida pessoal quanto profissional.

E quando se trata de profissional, zelar pela cibersegurança de uma empresa tem se tornado cada dia mais um desafio. Isso porque, à medida que a tecnologia avança, não só temos mais acesso a ferramentas e soluções, mas também sofremos com mais ameaças em potencial.

Afinal, enquanto alguns usam a inteligência e a tecnologia para gerar valor para a sociedade, outros se aproveitam do mesmo recurso para alimentar um mercado ilegal de roubo e sequestro de dados.

Só para você ter uma ideia, estima-se que em 2024 o cibercrime custe 9,5 bilhões de dólares. Em 2025, essa soma deve chegar a 10,5 bilhões de dólares.

Por isso, mais do que nunca, você deve começar a pensar em criar um sistema de imunidade digital que impeça ameaças dos mais variados tipos, evitando não só os prejuízos financeiros, mas também os de reputação e imagem da marca.

Continue a leitura e entenda o que é um sistema de imunidade digital e como ele contribui para a cibersegurança de uma empresa!

O que é sistema imunológico digital?

Sistema imunológico digital (DIS) é um conjunto de soluções que visam proteger os ativos digitais de uma empresa de ameaças cibernéticas como as citadas no início deste artigo.

Esse conjunto de soluções abarca não só tecnologias, mas processos e práticas que devem ser adotadas por todos os membros da equipe, de forma que não sejam deixadas brechas para potenciais ameaças.

A analogia do DIS com o sistema imunológico humano não é por acaso. Assim como o nosso corpo possui sistemas de defesa que entram em ação quando um vírus ou bactéria o invade, uma empresa também deve possuir um sistema semelhante, que impeça invasões indesejadas.

Um sistema imunológico digital geralmente compreende a instalação de firewalls, antivírus, scanners de vulnerabilidade e sistemas de detecção e prevenção de intrusões.

Para que essa infraestrutura tecnológica funcione com perfeição, também são desenvolvidos protocolos internos, manuais de melhores práticas, treinamentos e orientações sistemáticas sobre como as pessoas devem agir para garantir a cibersegurança.

Nesse sentido, cabe a você e sua equipe desenvolver todo esse planejamento, desde a seleção de tecnologias para compor o DIS, até as orientações mais práticas para que toda a organização trabalhe tal qual um corpo humano: com todo o sistema imunológico pronto para agir quando houver uma ameaça.

Por que sua empresa deveria investir nisso

Sabemos o quanto pode ser difícil convencer diretores, sócios e acionistas a investir em proteção de dados. Por isso, selecionamos alguns argumentos que você pode utilizar no momento de apresentar seu projeto de sistema imunológico digital:

Maior observabilidade de dados

A observabilidade traz uma visão mais transparente de todo o fluxo de dados da empresa, o que permite um melhor gerenciamento deles ao longo da sua cadeia de valor.

Ela também contribui para que potenciais falhas sejam percebidas com maior rapidez, indicando à sua equipe o que deve ser feito para sanar qualquer brecha para invasões e ataques hackers.

Autocorreção de falhas

Uma das maiores dificuldades das equipes de TI é atender a demanda crescente por correção de falhas em sistemas e aplicativos. Contudo, quando você tem um DIS, pode automatizar essas correções por meio de funcionalidades integradas a softwares.

Desse modo, as autocorreções acontecem de forma automática, sem necessidade de intervenção humana. Logo, o tempo do seu time é otimizado e ocupado com questões mais importantes e estratégicas, como o aprimoramento do sistema imunológico digital, por exemplo.

Segurança da cadeia de suprimentos de software

Mais confiabilidade e resiliência

A implementação de um sistema de imunidade digital tem como principal objetivo bloquear qualquer tipo de ameaça ou anomalia nos sistemas utilizados pela empresa. Diante disso, os dados, relatórios e análises se tornam mais confiáveis, já que estão protegidos de ameaças internas e externas.

Junto com a confiabilidade vem o aumento da resiliência dos sistemas, isto é, sua capacidade de se adaptar a novos contextos e cenários.

Assim como o nosso organismo se adapta a condições diferentes em um curto espaço de tempo, o DIS garante que o sistema possa se aprimorar constantemente para evitar novas ameaças.

Redução de riscos por falhas e invasões

Embora as estatísticas se concentrem em perdas financeiras, uma invasão ou falha de segurança pode trazer muitos outros prejuízos para uma empresa.

Esses riscos vão desde a queda de ações na bolsa de valores até a perda de credibilidade junto a clientes, por exemplo. Nesse sentido, a implementação de um sistema de imunidade digital contribui para mitigar tais riscos, evitando que a empresa — e a sua equipe — saiam prejudicados.

Melhoria da experiência do usuário

O investimento em tecnologias para criar uma imunidade digital na empresa também contribui para a melhoria da experiência do usuário, seja interno ou externo.

Em outras palavras, para os colaboradores da empresa, garante maior segurança, acuracidade e transparência de dados. Já para os clientes, oferece uma experiência mais personalizada, segura e assertiva, o que se traduz em maior satisfação.

Mais cibersegurança para a empresa

Finalmente, a empresa ganha uma política de cibersegurança mais robusta, capaz de responder rapidamente às ameaças que vão surgindo. Dessa maneira, o trabalho da sua equipe se torna mais eficaz, pontual e estratégico, o que se traduz em otimização de tempo e recursos preciosos.Quer saber o que mais um DIS pode fazer pela cibersegurança de um empreendimento? Conheça as soluções de ITOutsourcing e Cloud da Spread!

imagem-tecnologia
Tokenização: a nova era da segurança financeira

Tokenização: a nova era da segurança financeira

Até 2030, espera-se que a tokenização represente 10% do PIB mundial, o que representará um mercado de mais de 10 trilhões de dólares. Entre os maiores players do mercado, os principais motivos que estão levando à tokenização é o acesso a novos investidores e capital,...

Inteligência artificial no setor financeiro

Inteligência artificial no setor financeiro

A inteligência artificial já permeia muitas das nossas atividades do dia a dia, desde o uso de assistentes virtuais até os práticos e ágeis apps bancários. E não é para menos: a IA torna os processos mais seguros e fornece ferramentas mais avançadas para lidar com o...

CADASTRE O SEU E-MAIL PARA RECEBER OS NOSSOS CONTEÚDOS

Veja também

imagem-tokenização

Tokenização: a nova era da segurança financeira

by | 9 de julho de 2024 | Uncategorized | 0 Comments

Até 2030, espera-se que a tokenização represente 10% do PIB mundial, o que representará um mercado de mais de 10 trilhões de dólares. Entre os maiores players do...

imagem-inteligência-artificial

Inteligência artificial no setor financeiro

by | 2 de julho de 2024 | Uncategorized | 0 Comments

A inteligência artificial já permeia muitas das nossas atividades do dia a dia, desde o uso de assistentes virtuais até os práticos e ágeis apps bancários. E não é para...

imagem-IA-generativa

O futuro dos assistentes virtuais: como a IA generativa está moldando a próxima geração de VAs

by | 25 de junho de 2024 | Uncategorized | 0 Comments

A IA Generativa mal chegou e já está presente em boa parte das tarefas que vemos em nosso dia a dia. Da criação de conteúdos personalizados às interfaces por trás dos...

imagem-cloud

Como o Cloud está impulsionando a inovação e a transformação digital nas empresas

by | 10 de junho de 2024 | Uncategorized | 0 Comments

Cloud computing não é um termo novo em nosso vocabulário. Contudo, ainda não teve todo o seu potencial utilizado para impulsionar os negócios. Prova disso é que,...

imagem-MLOps

MLOps: como aproveitar os modelos de Machine Learning

by | 3 de junho de 2024 | Uncategorized | 0 Comments

A automação de processos tem levado empresas de todos os segmentos a uma verdadeira transformação operacional. Cerca de 80% delas estão acelerando fluxos de trabalho...

imagem-hiperpersonalização

Como a hiperpersonalização pode melhorar a experiência do cliente

by | 27 de maio de 2024 | Uncategorized | 0 Comments

Se antes podíamos disparar e-mails massivos, fazer publicidade em canais de comunicação de massas e compreender nosso público-alvo como um grande recorte de audiência,...

imagem-IA

O uso de IA e machine learning nas estratégias de vendas

by | 21 de maio de 2024 | Uncategorized | 0 Comments

A IA ganha cada dia mais espaço nas operações. Ao mesmo tempo, o machine learning vem se destacando como a principal solução quando o assunto é análise de dados. Pelo...

imagem-dados

Como proteger os dados dos seus clientes com IA

by | 9 de maio de 2024 | Uncategorized | 0 Comments

A privacidade de dados se tornou um problema global. Se, por um lado, as empresas investem cada vez mais em tecnologias para coletar, processar, analisar e armazenar...

imagem-AI

AI TRiSM: a nova era da inteligência artificial

by | 3 de maio de 2024 | Uncategorized | 0 Comments

A Inteligência Artificial — AI já faz parte das nossas vidas, seja em aplicações de smartphones ou no uso de softwares específicos. Mas nas empresas, a adoção dessa...

imagem-dados

Princípios fundamentais da Observabilidade de dados

by | 19 de abril de 2024 | Uncategorized | 0 Comments

O princípio da Observabilidade de Dados, um conceito que tem ganhado destaque nos últimos meses e que ainda gera curiosidade, dúvida e interesse sobre quais são seus...

imagem-SAP

SAP S/4 Hana em uma grande seguradora

by | 3 de abril de 2024 | Uncategorized | 0 Comments

O mercado de seguros brasileiro corresponde a 2,03% do PIB nacional, com 86 companhias disputando um cenário altamente competitivo, onde 13 delas dominam 80% das...

imagem-tecnologias

Tendências de tecnologia no setor financeiro

by | 28 de março de 2024 | Uncategorized | 0 Comments

Os últimos 20 anos foram de muitas transformações para o setor financeiro. Do internet banking aos apps bancários, passando por blockchain, pagamentos móveis e...

Share This